Fevereiro 24 2009
publicado por grandesofa às 15:14

Fevereiro 24 2009

 


 Clique Aqui Para Abrir O Downloads

publicado por grandesofa às 14:20

Fevereiro 23 2009

______A NÃO PERDER ________________________________________________________________

Filhos da Mãe é um livro, baseado em histórias reais, que contradizem o significado poético que a expressão “países irmãos” dissemina ao definir a relação entre Portugal e Brasil. 
 

“Os irmãos não complicam a vida uns dos outros como fazem dois povos de cultura e comportamento tão semelhantes”. Afirma a autora.

O objectivo desse livro é chamar a atenção dos dois povos para uma reavaliação de comportamento, uns  com os outros.

Dividido em dez histórias. Sendo cinco de brasileiros que vivem em Portugal, e cinco de portugueses que vivem no Brasil, o livro faz referência ao comportamento de preconceito e discriminação que ambas as raças possuem uma pela a outra.

O comportamento de disputa entre estes os dois povos, cria uma imagem pré-estabelecida ou estereotipada sobre o conceito que possuem um do outro. 

Para uma grande maioria de portugueses, o Brasil é visto como uma nação de homens volúveis e mulheres vulgares; por outra dimensão não inferior, de brasileiros, Portugal é visto como um país  de pessoas provincianas e ignorantes.

OBS: O livro é dividido em duas partes, como a autora fez em Quem tem boca vai a Roma. As histórias dos brasileiros são contadas em português do Brasil e as histórias dos portugueses são contadas em português de Portugal.

 

www.rosanaantonio.com 

http://www.rosanaantonio.blogspot.com/

publicado por grandesofa às 13:01

Fevereiro 17 2009

Alcione em Concerto

No próximo dia 19 de Fevereiro de 2009 no Coliseu de Lisboa, Alcione. Um espectáculo com ritmos quentes e apaixonantes.

 

 

"De tudo que eu gosto". Nenhum outro nome poderia ser mais preciso para este novo trabalho de Alcione.

Alcione vive um momento especial na sua carreira e sabe usufruir disso a favor da sua obra. Já são 32 anos de estrada desde que estreou em LP com "A Voz do samba" em 1975.

É dispensável falar da sua voz, cada vez mais ímpar, cada vez mais certeira. Dispensável também lembrar que ela é uma das raras artistas da música brasileira realmente populares, por isso o sucesso se deve a isso.

E parece ter ficado de lado a ideia de que deveria cantar apenas samba, ou que deveria deixar de interpretar as suas canções românticas. Alcione pode gravar todo o género de música que terá sempre sucesso e foi a pensar nisso que surgiu este novo trabalho.

É um reportório quase totalmente de músicas inéditas misturando novos compositores com mestres que já são muito conhecidos de ter participado em trabalhos seus anteriores.

Não falte por nada !!!

publicado por grandesofa às 18:03

Fevereiro 16 2009

- Alô?
- Olha, eu só tenho 1 minuto ...

[D'Black]
Por onde quer que eu vá, vou te levar pra sempre.
A culpa não foi sua.
Os caminhos não são tão simples, mas eu vou seguir...
Viajo em pensamento, numa estrada de ilusões
que eu procuro dentro do meu coração.

[Refrão]
Toda vez que fecho os olhos é pra te encontrar.
A distância entre nós não pode separar
o que eu sinto por você, não vai passar.
1 minuto é muito pouco pra poder falar.
A distância entre nós não pode separar.
E no final... Eu sei que vai voltar!

(Telefone desligando)

[Negra Li]
Por onde quer que eu vá, vou te levar pra sempre.
A vida continua (a vida continua)
Os caminhos não são tão simples, temos que seguir...
Viajo em pensamentos, numa estrada de ilusões
que eu procuro dentro (procuro dentro)... Do meu coração.

[Refrão]

Toda vez que fecho os olhos é pra te encontrar.
A distância entre nós não pode separar
O que eu sinto por você, não vai passar.

[D'Black]

Eu sei não vai passar...

[Negra li]
1 minuto é muito pouco pra poder falar.
A distância entre nós não pode separar.
E no final... Eu sei...

[D'Black]

Que no meu coração.

[Negra Li]

Aonde quer que eu vá.

[D'Black]

Sempre levarei

[D'Black e Negra li]

O Teu sorriso em meu olhar!(Em meu olhaar !)

Toda vez que fecho os olhos é pra te encontrar.
A distância entre nós não pode separar
O que eu sinto por você, não vai passar.
1 minuto é muito pouco pra poder falar.
A distância entre nós não pode separar.
E no final...

[Negra Li]

Eu sei que vai voltar. Ohh ohh... Eu sei que vai voltar!
 

publicado por grandesofa às 23:32
Tags: ,

Fevereiro 13 2009

2qs1f9y Download - Falsa Loura - DVDRip
INFORMAÇÕES DO ARQUIVO
Áudio: Português
Legenda:SL
Tamanho: 879 Mb
Formato: AVI
Qualidade: DVDRip
Qualidade de Audio: 10
Qualidade de Vídeo: 10

INFORMAÇÕES DO FILME
Ano de Lançamento: 2008
Gênero: Drama
Duração: 103 min
Servidor: Megaupload

 

 DOWNLOAD

 http://www.megaupload.com/pt/?d=T916W7AV

publicado por grandesofa às 21:52

Fevereiro 13 2009

Baixar

 

publicado por grandesofa às 18:26

Fevereiro 13 2009

Baixar

 

 

publicado por grandesofa às 18:18

Fevereiro 05 2009

http://www.2life-movie.com/

 

Em Exibição Lisboa


Fevereiro 04 2009

Os Maias

Data: 05/02 a 26/04
Sala: Lisboa, Teatro da Trindade
Categoria: Teatro

 

Texto António Torrado
Encenação
Rui Mendes
Cenografia e figurinos
Ana Paula Rocha
Desenho de luz
Carlos Gonçalves
Direcção musical
Afonso Malão
Intérpretação
 Afonso Malão, Augusto Portela, Igor Sampaio, João Didelet, José Airosa, José Fidalgo, Luis Alberto, Luis Mascarenhas, Mário Jacques, Pedro Górgia, Rogério Vieira e Sofia Duarte Silva.
Produção
Fundação INATEL/Teatro da Trindade
»
Em 1867, o Teatro da Trindade abria pela primeira vez as suas portas, nascendo assim aquele que viria a ser, e permaneceu ao longo destes 140 anos, um dos mais importantes e belos Teatros de Lisboa.
Alguns anos depois, em 1888, foi tornada publica a 1ª edição de Os Maias, talvez o mais notável romance de toda a literatura portuguesa. Nele, o seu autor, Eça de Queiroz, imaginou uma significativa cena passada no Trindade. Foi esse o ponto de partida para a leitura que o dramaturgo António Torrado fez da obra, traduzindo assim em linguagem teatral o grandioso fresco da sociedade portuguesa do século XIX que, à data da sua publicação, constituiu um polémico escândalo, pela autenticidade da denuncia de uma colectividade apagada e pretensiosa, por vezes reles, por vezes ridícula.
É um vasto friso de tipos caricaturais que nos surgem em forma de crónica de costumes, servindo de pano de fundo à trágica historia amorosa de Carlos e Maria Eduarda, que, com a companhia da excentricidade de João da Ega, projecção do próprio autor, constituem o trio central do drama a que Eça deu o sub-título de Episódios da vida romântica.
O espectáculo que agora se apresenta no Teatro da Trindade, com encenação de Rui Mendes, permanecendo embora fiel às características originais do romance, não deixa de sublinhar a flagrante actualidade que se desprende da mesma. Será que, nos aspectos essenciais da sociedade portuguesa, mudou assim tanta coisa nos últimos cento e tal anos?
Este espectáculo poderá contribuir para esclarecer esta dúvida.

Paralelamente ao espectáculo haverá um conjunto de iniciativas à volta do escritor Eça de Queiroz.
»
SALA Principal
5 de Fevereiro a 26 de Abril // 4ª a Sábado 21h30 e Domingo 16h
Classificação etária M/12

Duração 120 min (com intervalo)

Preço 10€ a 15€


Descontos: 20% - Jovens c/ - 25 anos, Seniores c/+ 65 anos, Pin Cultura, Profissionais Espectáculo
30% - Grupos + 10 pax, Sócios INATEL

Condições para Grupos de Escolas
Preço único: 5€
Datas: 5, 12, 19 e 26 Fevereiro | 5, 12, 19 e 26 Março | 16 e 23 Abril | 14h30 (sob marcação)
Público-Alvo: 2/3º Ciclo e Secundário

publicado por grandesofa às 12:41

pesquisar
 
Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
14

15
18
19
20
21

22
25
26
27
28


Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
14

15
18
19
20
21

22
25
26
27
28


blogs SAPO